fala_me_do_teu_amor
 
FALA-ME DO TEU AMOR

Fala-me do teu amor.
E diga-me em palavras...
Aquelas que soluçando em nosso âmago, nos faz fremir
A noite é escura.
Noite dos amantes e namorados...
As estrelas tontas de solidão e de tua ausência,
Se perdem entre as nuvens sonolentas.
O vento soprando saudades entre elas.
Tocando minha face, traz-te a mim.
Brotando nostalgias em nossos corações...
Extasiada diante de um universo que cumplicia,
Entregue em meus devaneios.
Estou aqui... e te penso...
E sei, que em um outro lugar, neste mesmo momento,
Estás ali absorto a chamar-me...
É noite... dos amantes, e apaixonados;
Enamorados partilhamos um só desejo.
E nos ares desta noite fria,
Envolta em um xale pra meu abrigo,
Abraço, então ao meu próprio corpo,
E neste abraço te trago num afago,
E dentro dos meus olhos semi-serrados,
Retenho-te na minha retina...
E te sinto...
Tão meu!
Que posso tocá-lo,
Tão fortemente,
Que posso de teu hálito aspirar tua emoção.
Sentindo o calor de tua tez sobre meus seios.
E nesta solidão,
Sinto o teu suspiro sobre o meu coração.
A noite empalidece
Desponta-se a aurora,
Trocamos olhares de sedução.
Embevecidos e agradecidos por este amor recíproco.
Fala-me amor meu.
Soprando em meus sentidos,
Diz-me da falta que dilacera,
Das nossas tantas esperas.
E pouse teus lábios nos meus,
Deixe que num deleite,
Aventuremos nesta grande paixão
Imóveis restamos ali,
Eu... você.
Lugares opostos,
Vidas unidas em corpos separados...
Mesmo que esta distância se interponha entre nós,
Amantes no amor e no pecado.
Neste dia, noite dos Namorados
Conjugamos em promessas, um único pensar,
Um único ato,
O de nos amarmos
Pra sempre.


Susana Mendes
 

 

 
 
RESPEITE OS DIREITOS AUTORAIS !
Não é permitida, sem prévia autorização,
a reprodução desta página.

Obrigada !
WebDesign : Angela Cecilia