*
*
*
*
*
*
*

 

o_cao_2
O CÃO
(visto por um gato)
o_cao_2o_cao_2
O cão é preto, branco ou castanho,
Tem uma voz que é diferente;
Às vezes pula como um palhaço,
Junto de gente, fica contente.
o_cao_2
Sua cabeça os homens afagam,
Finge de morto e deitado ele fica
Até que o chamem com muito carinho
(esta ação nenhum gato pratica).
o_cao_2
Sempre brincando de modo estouvado,
A cauda abana, às patas estende,
Responde ao dono com brando latido
(pensa o homem que o cão entende).
o_cao_2
Mas, homens, confesso, não os compreendo
E acho mesmo que são uns ingratos:
Dizem "fiel" quando falam do cão
E dizem "sonsos" se falam de gatos.
o_cao_2
Mas você, que é bom e justo
E em quem o gato, sem medo, confia,
Ele, às vezes, dirá bem baixinho:
- O cão é o amigo que dá alegria.

Oliver Herford

o_cao_2 o_cao_2
 

 

 
 
RESPEITE OS DIREITOS AUTORAIS !
Não é permitida, sem prévia autorização,
a reprodução desta página.

Obrigada !
WebDesign : Angela Cecilia