origem_do_ano_novoorigem_do_ano_novo
 
origem_do_ano_novo
 
     Ao longo da história da humanidade, a celebração do Ano Novo, tem suas raízes na pré-história.

     Desde as civilizações mais antigas, o Ano Novo era comemorado em diferentes épocas; isso devido as diferenças étnicas e culturais dos povos do mundo.

     Há 400 anos, o Ano Novo é comemorado em 1º de Janeiro.

     Os Romanos, foram os primeiros a adotarem 1º de Janeiro como começo do ano, em 153 A.C.

     Essa data tinha que ser anterior a 25 de março, quando ocorria o equinócio de inverno. E este era celebrado em muitos países europeus cristãos na época medieval.

     A aceitação da mudança da data demorou a acontecer; pois ela não era usual; e os hábitos prevaleciam ainda devido as comemorações estarem ligadas à agricultura e a mudança de estação.

     Em 1.582, quando o papa Gregório XIII, apresentou um novo método de cálculo para a divisão do ano, é que foi restituída a prática de comemorar o Dia de Ano Novo em 1º de Janeiro.

     Países católicos logo adotaram essa data. Os protestantes o adotaram em 1.700; a Grã Bretanha em 1.752, e a Suíça em 1.753.

     Países do Oriente não católicos, consideravam o novo calendário como sendo um calendário cristão; mas acabaram adotando-o como calendário oficial.

     O Japão o adotou em 1.873, e a China em 1.912.

     A Rússia o adotou por duas vezes. A primeira em 1.918 e a definitiva em 1.924.

origem_do_ano_novo
origem_do_ano_novo
origem_do_ano_novoorigem_do_ano_novo origem_do_ano_novo
 
 
RESPEITE OS DIREITOS AUTORAIS !
Não é permitida, sem prévia autorização,
a reprodução desta página.

Obrigada !
WebDesign : Angela Cecilia