INSPIRAÇÃO
 
INSPIRAÇÃO
 
INSPIRAÇÃO
Que queres tu, inspiração errante?
 
Os versos meus para poder sonhar...
Poeira de estrelas ou os clarões distantes,
Cintilações de prata ou raios de luar.
 
Que queres tu, ó Deusa caprichosa?
 
A poesia da tarde em botões de rosa,
O novo dia que acaba de nascer,
 
Que queres tu inspiração sentida?
 
O toque mágico que emana da vida,
A centelha de luz que a beleza faz nascer.
 
Cantas e danças na chuva macia,
Cantas e danças nas horas vazias.
 
Que queres tu?
Meus versos eu te dei nas asas da saudade,
Os sonhos que sonhei nas páginas da vida,
Meus sonhos comovida em poemas transformei.
 
Que queres tu, inspiração errante?
 
Os versos meus para poder sonhar poeira de estrelas,
Os clarões distantes,
Cintilações de prata ou raios de luar.

Teresa Caruso
INSPIRAÇÃO

 

 
 

RESPEITE OS DIREITOS AUTORAIS!
Não é permitida, sem prévia autorização,
a reprodução desta página.

Obrigada!

WebDesign : Angela Cecilia