SOLIDÃO
SOLIDÃO
Às vezes me pego a pensar em ti,
Começo até a acreditar que está ao meu lado,
Mas logo acordo e vejo que não passa de uma ilusão.

Não sei o que acontece comigo,
Me sinto tão sozinha, tão carente,
Sem querer me pego lembrando de ti,
Em como faz falta, em como te quero.

A solidão começa a tomar meu eu,
Começa a me sufocar, e tenho medo de te perder,
Pois a solidão vai acabar me matando.

Se o que acontece não é nossa culpa,
Nem sua, e nem minha, mas é sempre assim,
A solidão nos pega no momento em que estamos
Mais frágeis e sensíveis.

Apesar desta solidão tomar meu eu,
Te quero mais que as estrelas,
Te quero mais que o luar,
Te quero mais que a vida,
Mas uma coisa lhe peço,
Não me deixe mais tão só!

Tatiane Peres

          

 

 
 
RESPEITE OS DIREITOS AUTORAIS!
Não é permitida, sem prévia autorização,
a reprodução desta página.

Obrigada!
WebDesign : Angela Cecilia