A VALSA

A VALSA
Tu ontem,
Na dança,
Que cansa,
Voavas,
Co'as faces
Em rosas
Formosas
De vivo
Lascivo
Carmim;
Na valsa
Tão falsa,
Corrias,
Fugias,
Ardente,
Contente,
Tranqüila,
Serena,
Sem pena
De mim!
A VALSA
Quem dera
Que sintas
As dores
De amores
Que louco
Senti.
Quem dera
Que sintas!...
-Não negues,
Não mintas
-Eu vi!...
A VALSA

Valsavas
-Teus belos
Cabelos
Já soltos
Revoltos,
Saltavam,
Voavam,
Brincavam
No colo
Que é meu,
E os olhos
Escuros,
Tão puros,
Os olhos
Perjuros
Volvias
Tremias
Sorrias
P'ra outro
Não eu!

A VALSA

Quem dera
Que sintas
As dores
De amores
Que louco
Senti!
Quem dera
Que sintas
- Não negues,
Não mintas...
- Eu vi!

A VALSA

Eras bela
Donzela,
Valsando,
Sorrindo,
Fugindo,
Qual silfo
Risonho
Que em sonho
Nos vem!
Mas esse
Sorriso
Tão liso
Que tinhas
Nos lábios
De rosa,
Formosa,
Que davas,
Mandavas
A quem?!

A VALSA

Meu Deus!
Quem dera
Que sintas
As dores
De amores
Que louco
Senti!
Quem deras
Que sintas...
-Não negues
Não mintas...
-Eu vi!...

A VALSA

Sozinho.
Mesquinho
Em zelos
Ardendo
Eu vi-te
Correndo
Tão falsa
Na valsa
Veloz!
Eu triste
Vi tudo!
Mas mudo
Não tive
Nas galas,
Das salas,
Nem falas
Nem cantos,
Nem prantos,
Nem voz!

A VALSA

Calado
Quem dera
Que sintas
As dores
De amores
Que louco
Senti!
Quem dera
Que sintas!
-Não negues
Não mintas...
-Eu vi!

A VALSA

Na valsa
Cansastes
Ficaste
Prostada
Turbada!
Pensavas,
Cismavas,
E estavas
Tão pálida
Então,
Qual pálida
Rosa
Mimosa
No vale
Do vento
Cruento
Batida,
Caída
Sem vida
No chão!

A VALSA

Quem dera
Que sintas
As dores
Que louco
Senti!
Quem dera
Que sintas
-Não negues,
Não mintas...
-Eu vi!


Casemiro de Abreu

Gráficos de : http://www.sandyj.com/


A VALSA

 

 
 
RESPEITE OS DIREITOS AUTORAIS !
Não é permitida, sem prévia autorização,
a reprodução desta página.

Obrigada !
WebDesign : Angela Cecilia