SE EU FOSSE APENAS

SE EU FOSSE APENAS

Se eu fosse apenas uma rosa,
Com que prazer me desfolhava,
Já que a vida é tão dolorosa.
E não te sei dizer mais nada!

SE EU FOSSE APENAS

Se eu fosse apenas água ou vento,
Com que prazer me desfaria,
Com o meu próprio pensamento
Vai desfazendo a minha vida!

SE EU FOSSE APENAS

Perdoa-me causar-te a mágoa
Desta humana amarga demora!
De ser menos breve do que a água,
Mais durável que o vento e a rosa...

SE EU FOSSE APENAS

Cecilia Meireles

 

 
 
RESPEITE OS DIREITOS AUTORAIS !
Não é permitida, sem prévia autorização,
a reprodução desta página.

Obrigada !
WebDesign : Angela Cecilia